Water costs double than Gasoline/ Agua mineral custa o dobro da gasolina

Hoje cruzamos Oklahoma, Texas e agora estamos em Novo Mexico ( total 3094 km rodados nestes 4 dias ) e fez 102 F. ou 38.8 Celsius. O vento era tanto que nos forçava a andarmos de lado que nem indio pendurado na lateral do cavalo pra homem branco não ver ( Estamos na terra de Cheyenne, Cherokee etc) Mas os indios se vingam, porque neste deserto, eles vendem um litro de agua mineral por 2 dolares, e um galão de Gasolina (3,852 litros ) custa $3.50 Dólares.  Alta temperatura e vento constante fazem você beber 4 litros no minimo. Mas é muito monótono, principalmente que estamos indo para Oeste, e no fim da tarde, é sol na cara o tempo todo, vento na cara, calor na cara… (igual a abrir um forno e meter a cara na frente)  Gildo ontem a noite tomou uma sopa, teve Pirirí e ficou desidratado…Junta tudo isto e quando deu 7 da noite ( sol a pino…) tivemos de parar. O cansaço é tanto que quando a gente chega na recepção do hotel para perguntar se tem vaga e qual o preço, o pessoal mal consegue entender porque temos dificuldade de balbuciar alguma coisa inteligivel. Mas uma das coisas legais de viajar de moto, é o magnetismo que as motos exercem sobre as pessoas. Onde paramos, sempre vem gente perguntar: de onde são, pra onde vão, e muitos ficam com aquele ar de entendi mas não compreendi quando dizemos que somos do Brasil. Infelizmente o Americano medio continua o rei da Geografia…outro dia uma garçonete perguntou de onde eramos e ao escutar Brasil, vimos nitidamente que ela não tinha a menor ideia onde ficava… Perguntei, muito gentilmente que países ela tinha escutado falar ao sul dos USA, e ela disse meio sem jeito… Cuba???

Sobre minhas costas, se antes parecia que tinha uma peixeira Bahiana enfiada nela, agora melhorou um pouco e parece só um  faca de fazer Sushi… Só doi quando eu respiro… Acho que ao invez de emplasto sabiá, vou ter de colocar emplasto Condor, porque o Sabiá está meio desafinado e não faz o efeito esperado. Hoje fiquei dependurado de cabeça pra baixo, de costas, com os braços aberto por uns 5 minutos como se estivesse crucificado ao contrario e melhorou um pouco. O pessoal do restaurante achou meio esquisito…

Amanhã seguimos para o Grand Canyon e temos 700 km pela proa.

Today we crossed Oklahoma, Texas and are sleeping in Santa Rosa, New Mexico. ( 1872 miles/ 3094 km in 4 days). The temperature was 102 F ( 38.8 Celsius) Lots of wind, forcing us to ride inclined on the side of the bike to reduce the exposure to the wind, like the way the Indians used to ride their horses when they wanted to hide from the white man… Speaking of it, we are in the Cherokee and Cheyenne land and they sure learned to take revenge, by charging almost double for the price of mineral water than for the Gasoline… But people are always nice to us and come close to ask where we are going and are normally astonished when we say we are going to Alaska. Tomorrow we are heading towards the Grand Canyon. My pain in the lower shoulder is a little better, but not much…

This slideshow requires JavaScript.

7 thoughts on “Water costs double than Gasoline/ Agua mineral custa o dobro da gasolina

  1. Beatriz says:

    Meu amor, lembre se que uma saúde saudável é a base para o sucesso dessa viagem. Se cuida tá. Fiquem com Deus.
    Bjo
    Beatriz

  2. Carlos m bustelo says:

    Gildão manda pêra na motoca porque as estradas são ótimas. Pena não ter uns carvões legais. Tô aqui de olho diariamente.
    Bjs

  3. Monica Calhau says:

    Coitado do Gildo…ele tem que experimentar pelo menos um episodio destes em cada rota…rsrsr, e voce meu amor…esta mais magro, deu pra ver pelo rosto.
    Cuidem-se e aproveitem.
    Beijo grande e continuem curtindo a viagem.
    Saudades

  4. Jeff &I Lori Jones says:

    We met you at the Loves it texas. You were asking for WiFi and we offered you ours. We agree, the young people here are overweight.
    Enjoy New Mexico today and safe travels to the Grand Canyon!

  5. Carlos Veiga Junior says:

    Gildão, os vídeos são muito legais, dá vontade de estar ai com vcs.
    Pena que são curtos, mas…fazer o que, filmar a viagem toda não dá.
    Se conselho fosse bom era vendido, mas esta é uma boa oportunidade para comer coisas leves que não causem desarranjo intestinal. Mantenha-se hidratado e lembre-se que onde estavamos agora uma garrafa de água custava US$ 8,00 e não foi no deserto, o Tahiti é bem mais caro, os indios são bonzinhos.
    Toca pra frente meu velho que o Universo todo está curtindo com vcs.

  6. Novo México é o máximo estive uma vez com a Carol viajando entre Denver e Santa Fé de carro, paisagens muito bonitas. Viajem ótima. Abs

  7. Christina says:

    Essas viagens de “índio” são que nem parto…com o tempo a gente esquece e mais prá frente inventa outra. Quando chegarem no Alaska tudo terá valido a pena – palavra de trekkista.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: