Mudança nos planos / Change of plans

Ontem fomos no Grand Canyon. Andamos de Helicóptero, e foi bem legal. Depois fomos dentro do parque nacional do Grand Canyon, e fomos caminhando ao longo da borda do abismo. Vista linda, zilhões de japoneses…Decidimos então ir na beirada tirar umas fotos mais despoluidas de turistas. Fotos lindas… Mas tropecei nas pedras soltas, e caí a um metro do precipicio… Resultado: rompi ligamentos, cartilagem e outras coisitas mas…na perna esquerda( joelho). O duro foi pilotar 74 milhas de volta para o Hospital em Flagstaff…Praticamente impossivel passar as marchas com o pé esquerdo danificado.

Fiquei algumas horas no hospital, onde disseram que 99 % terei de fazer uma cirurgia para eventualmente retirar a cartilagem danificada e tentar recompor o meniscus. Estou de muletas…Sinto muito pelo Gildo, pois planejou esta viagem a tanto tempo. Estou de repouso absoluto e com gelo o tempo todo para desinchar, e já sinto melhoras. Não tenho dor, desde que não mexa na perna. O problema é que alem do Joelho esquerdo, estou com uma inflamação no calcanhar direito, e fica dificil andar, pois nao posso pisar com o esquerdo e no direito doi muito… ou seja, preciso aprender a voar… com as muletas.

Fora disto… o coxis doi muito, pois tá deslocado… e a unica maneira de andar 1000 km por dia é ficar em pé  para aliviar a dor no coxcis. Bastam 3 minutos em pé que dá pra andar mais meia hora…  Bom, se eu conseguir desinchar o joelho e a tala der para firmar, vou seguir viagem. aí só tenho de me preocupar com a peixeira Bahiana nas costas… Gildo disse que consegue fazer um gatilho e prender as muletas na moto. Sempre que a gente cruza outra moto, damos um tchauzinho ( é de praxe entre os motociclistas…) estou pensando em acenar com as muletas… Bom, vamos torcer para ver se dentro de dois dia a gente consegue continuar a viagem. talvez menos km por dia e mais paradas e não vou caminhar nos parques ( mesa verde, Yellowstone etc, e fico de molho no hotel, com gelo…Acho que vou mudar o titulo de Motorcycle expedition  para Geriatric expedition…e ao invés de Vamumansu, vamudimolhu…

Yesterday we went to the National park of the Grand Canyon. We took the helicopter tour, and then decided to walk the Canyon border to take some pictures. But there were gazillion of tourists and very difficult to take good pictures, so we had the brilliant idea of searching for a less crowded place. We fond one on the edge of the cliff. Perfect for the pictures, but not so easy access. After the pictures, while returning to the main path, I tripped on loose gravel, felt on the floor, very close to the edge of the cliff… and in the process tore the ligaments and meniscus of my left knee. The hotel in Flagstaff is 74 miles away from the remote area of the Grand Canyon and it was under a lot of pain that I rode the bike to the emergency room at the Flagstaff Hospital. I am now with crutches and it is a lot of pain to even move from the bed to the bathroom, since my left knee is not able to sustain my weight, and the right ankle has an inflammation.

Right now I have to wait and see if I will be able to walk with the knee brace and be able to stand on the bike, because my tailbone pain forces me to stay standing every half an hour. I am very sorry for Gildo, if I cannot continue, because he planned this trip for such a long time and will have to conclude it alone.

We will make the final decision in two days. I am putting ice pads the whole day to reduce the inflammation. cross your fingers. I think I have to change the name, instead of Motorcycle expedition, is going to be Geriatric Expedition…

This slideshow requires JavaScript.

19 thoughts on “Mudança nos planos / Change of plans

  1. Nadia Ruggeri says:

    Que droga…. Enfim, tá feito. Se cuide muito bem, confie e vá em frente, como sempre. Beijão

  2. Eduardo Nascimento says:

    Homero, estamos acompanhando a viagem e ficamos muito chateados com seu acidente. Esperamos que se recupere bem e consiga prosseguir a viagem. Abracos. Edu e Jacquie

  3. Marmitão says:

    Homero, estas coisas fazem parte das aventuras, tenho certeza que tudo vai ficar bem. Confie no Gildão, que ele SEMPRE tem uma solução perfeita. Espero que a dor passe logo, e voces continuem a viagem em PAZ.

  4. Jorge Gomes says:

    Homero, tenho certeza que você vai melhorar,e procequir, tenta rodar menos, pois depois dos 600 km dia a coluna reclama muito, nesta ultima viagem que fiz passando por aonde vocês estam fiz isso e apesar da garupa e a moto muito pesada minhas costas me deu uma folga, apesar de levar meu SOS três remédios que um amigo neurocirurgião me passou que funcionou bem na viagem que fiz ao Atacama em novembro são eles Celebra, Etna e Baclofen, realmente ficando em pe alguns minutos melhora por um tempo, também uso esta auternativa, mas tenho a mania de rodar muito sem parar isso também não é bom, mas em fim torço por vocês pois sei o que vocês estão sentino, melhoras e estamos juntos acompanhando, só sinto não Nessa também.
    Abs,
    Jorge

    • vamumansu says:

      Obrigado, Jorge. Realmente sem levantar fica dificil de aturar… é muita dor no coxis, e nas costas. Acho que vou ter de apelar pro Arcocia que o Gildo tem de reserva…
      Abração

  5. Nelsonn says:

    Homero…deixadilson e vaonelson, mas sigam mansell

  6. Beatriz says:

    Homero,lamento! Mas sei que esta bem acompanhado,vai dar tudo mega certo, vc vai ver.
    Desejo melhoras.
    Bj
    Beatriz

  7. Hiran P. Guimarães Filho says:

    Putz!! vamuquevamu, não se deixem abader por isto. Tudo passa e a viagem vai continuar, um pouco de descanço e analgésico logo estaram on the road. Estou torcendo por voces.

  8. Christina says:

    Well, o Mero com quem trabalhei em priscas eras não era de desistir não. Gildo MacGyver vai dar um jeito de fazê-los chegar juntos ao Alaska e de quebra ainda levá-lo a passear pelos parques. Da próxima vez que se deparar com um grupo de japas em um local turístico…fotografe-os também! nós que aqui os seguimos não vamos nem notar.
    Aproveite o embalo dos trens.

  9. andre says:

    Vai dar tudo certo Homero!! Pow vc tem duas pernas!! O saci vai pra todo lugar com uma só!! Brincadeira mas tenho certeza que vc irá se recuperar e terminará a viagem!!Estamos na torcida por vc!!Abracio !!

  10. Paul Sandweg says:

    Hallo Homero,
    so eine Scheisse! Aber besser das Knie angeschlagen als ueber die Klippen zum Colorado River hinuntergefallen.
    Ich glaube auch, dass nach zwei / drei Tagen die Schmerzen vergehen. Und wenn ihr die taegliche Kilometerleistung halbiert, hommt ihr auch voran. Ihr habt ja keinen Stress iregendwo puenklich anzukommen. Euer Weg ist das Ziel – oder?
    Ich bin virtuell mit euch auf der Reise.
    Grande abraco
    Paul

  11. Ilse says:

    Melhoras!!! Desejo que as dores sejam suportaveis e que os planos de continuar a viagem ha tanto tempo programada, de certo. Menos quilometros e mais descanso!!! Beijos

  12. mario says:

    FALA SERIO,ESPERO A MELHORA,MAIS A MELHOR COISA É ALUGAR UMA PICAPE E COLOCAR AS MOTOS EM CIMA E VIAJAR,QUE FALTA DE SORTE!!!!!!!ABRÇS E SE CUIDA GALERA!!!

  13. vamumansu says:

    Muito obrigado pela info, Carlos. Estou de repouso total e colocando gelo direto. veremos como será dentro de 2 dias
    Abraço
    Homero

  14. Sergioaraujopereira says:

    Putz. Mais vai dar tudo certo. Estamos aqui torcendo pela sua recuperação, Realmente isso acontece. Fique de molhe o quanto puder e vai como você falou, menos kms/dia. Que em breve estará novo. Abs. Sérgio

  15. Carlos Veiga Junior says:

    Fala Gildão,
    Diz pro Homero ficar tranquilo quanto puder.
    Se ele rompeu o colateral medial ou lateral, só com a tala vai cicatrizar antes de acabar a viagem. Cada dia doe menos e fica mais estável.
    Se foi o cruzado anterior, não vai fazer diferença na viagem, e ele será de fato operado na volta quando chegar para reconstrução ligamentar.
    Lesão na cartilagem não necesita de cirurgia de urgência, e é definitiva, assim como a lesão meniscal se houver.
    A circurgia só faz é tirar os pedaços que já estão danificados.
    Se o joelho não estiver travando, não tem urgência nenhuma, e tudo se resume a dor passar.
    Com um pouco de paciência o recomendado é não criar expectativas para que tudo se passe com mais rapidez.
    Estamos aqui pro que der e vier.
    Valeu bravos guerreiros, nada vai atrapalhá-los.
    Sigam o que diz a intuição e luz na estrada.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: